10 de abr de 2009

Ainda pouco...



Não a muito tempo...

Estive a falar com Minha Vida...

e o que estive a ouvir não foi o gostaria...

Deu medo
Quando você pediu que a gente desse um tempo
Meu coração bateu sofrendo em silêncio
Me deu vontade de pedir não vá embora

Deu medo

Aí me segurei pra não chorar por dentro
Quase cheguei a te odiar nesse momento
Meu coração quase parou naquela hora
E matamos nosso medo
Abraçados corpo, alma e coração
E sol nasceu mais cedo
Acendendo outra vez nossa paixão
Pode o mundo acabar
Pode o tempo parar
Tudo acontecer
Que eu não vou te perder
Pode o céu desabar
Pode secar o mar
Só não pode morrer
Meu amor
Por você

É Minha vontade... é meu desejo...
devo continuar???

Um comentário:

Helena C de Araujo disse...

Oi...
Vim conhecer teu blog... Interessante e bonito...
Gostei muito desse "Ainda pouco..."
(Vou organizar minhas coisas nos blogs essa semana, links, seguidores e tal... Estou em débito com os amigos... rs)
Abraços!